O Jogo dos Tronos da Locação de Carros

Stark (LCAM3), Targaryen (RENT3) e Lannister (MOVI3) lutam pelo trono de ferro.

"Quando você joga o jogo dos tronos, você vence ou você morre"

No setor de locação de automóveis, quanto maior uma empresa, mais poderosa ela se torna.

A disputa para o trono do mercado de locação de carros do Brasil é como a disputa pelos 7 reinos. Ao ganhador todos os louros.

A capital, o ouro, os súditos, o trono de ferro, o poder! Os lucros incalculáveis de um mercado pujante, rentável e em forte crescimento.

Mas, aqui, a guerra não se dá com exércitos, armadas, ouro ou dragões.

Na disputa pelo mercado de aluguel de carros, quanto maior, melhor. Quanto maior a escala da empresa, melhor é a negociação pelos recursos mais importantes: dinheiro e carros.

Só e tudo isso: dinheiro e carros.

As empresas de locação de automóveis são estoques de automóveis gigantescos que negociam em bolsa.

Quanto mais carros, melhor. Quanto mais dinheiro, melhor.

Tudo e só isso: dinheiro e carros.


"Nunca esqueça de quem você é"

O setor é altamente demandante de capital para comprar carros.

E, quanto maior a empresa, melhor a negociação por capital (dinheiro) com os bancos e o mercado - menor o custo da dívida.

O setor é altamente demandante de capital para comprar carros.

E, quanto mais carros as empresas compram, maior o desconto oferecido pelas montadoras (FIAT, GM, Ford, Hyundai, …).

No setor de aluguel de carros, tamanho é documento.

E, unindo as duas coisas, quanto maior a rentabilidade sobre o capital investido (ROIC) e menor o custo da dívida, mais valor é criado para o acionista.


"O caos não é um buraco (com alçapão), o caos é uma escada"

Mindinho (little finger) tem toda razão.

As 3 grandes casas - Localiza (RENT3), Unidas (LCAM3) e Movida (MOVI3) - são as mais poderosas.

E aproveitaram a pior crise da história do Brasil para crescer e se fortalecer.

Lucro (verde) e Ebitda (azul) de LCAM (acima), RENT (meio) e MOVI (abaixo). Fonte: Bloomberg.

As 3 grandes casas vêm dizimando os pequenos. Quanto mais crescem, mais poderosas ficam.

Em número de carros, em 2016, as três juntas detinham 45 por cento do mercado, em 2018, já dominavam 55 por cento.

A líder, Localiza, possui, aproximadamente, 28 por cento do mercado. Unidas tem 15 por cento e Movida 11 por cento.



RAC = aluguel e carros (rent a car) e GTF = Gestão de Frotas. Fonte: Movida.

As grandes casas avançam e o inverno está chegando. E o medo, nas pequenas, corta muito mais profundamente do que a espada.

Targaryen e seus 3 dragões

Execução (Drogon), rentabilidade (Rhaegal) e liderança (Viserion). Localiza nem sempre soube usá-los com a agressividade que deveria.

Fogo e Fúria não fez parte do dicionário de Localiza por décadas.

Localiza é a líder incontestável do mercado, mas passou muito tempo achando que crescer lhe tiraria rentabilidade.

Mas não podemos nunca subestimar seu poder.

Sozinha, é responsável por 8 por cento das vendas de montadoras no Brasil. Está presente em 358 cidades no Brasil - mais do que as duas concorrentes juntas.

RENT tem o melhor histórico de execução, a melhor rentabilidade e a melhor placa.

Tudo isso se traduz no gráfico abaixo:

Fonte: Localiza.

O gráfico é o mais importante ao se analisar qualquer negócio.

A linha de baixo representa o custo do capital (para os acionistas e para os credores). E a linha de cima representa o valor gerado pelo negócio.

A diferença entre a linha de cima e a de baixo representa a rentabilidade do negócio (ROIC) - quanto maior, melhor.

E RENT tem a maior rentabilidade (ROIC) da indústria (de longe). RENT é o melhor negócio.

Fogo e fúria. E o mercado reconhece suas qualidades. Localiza é, de longe, a mais cara. Sobe +28 por cento em 2019 e negocia a elevados 18x Ebitda 37x lucros.


Lannister e sua Ganância

Movida é a mais nova do setor. Movida foi criada dentro de outra empresa, a JSL (JSLG3), recentemente.

Movida abriu seu capital em outubro de 2017, prometendo que dominaria o mundo. Mas a novata comprou carros demais e teve problemas para vendê-lo no fim de seu ciclo.

Como as empresas compram muitos carros, vendê-los é uma arte. O planejamento e cuidado para a venda começa já no dia da compra.

E, como a compra e venda de carros representam uma parcela enorme do negócio, perder dinheiro na venda compromete significativamente a saúde da companhia.

Mas Movida venceu seus percalços iniciais. Hoje, quer se apresentar como a mais rentável do setor.


Fonte: Movida.

Os números nos gráficos de ROIC e custo de capital das empresas não são comparáveis por diferenças na forma de apresentar resultados - cada um contabiliza seus números de uma forma diferente.

Mas temos uma boa ideia.

Enquanto Localiza apresenta números desde 2014, Movida os traz desde 2016.

Movida tem potencial, mas teremos que confiar em suas promessas de um futuro melhor.

Movida fez sua paz com o banco de Braavos e vem apresentando melhoras. As ações sobem mais de +49 por cento em 2019 e negociam a 10x Ebitda e 17x lucros.


Stark e seus parceiros

Unidas é uma história de união. O reino do Norte foi criado pela confiança e união dos Stark e seus vassalos do Norte.

A companhia passou por um forte crescimento orgânico e via aquisições nos últimos anos.

Unidas traz consigo a história de muitas empresas que se uniram à sua causa. Unidas, são a segunda do mercado.

Fonte: Unidas.

LCAM tem, hoje, a frota mais nova do mercado, vem investindo pesado em serviço de aluguel mensal para indivíduos e vislumbra atuar no segmento de maquinário pesado e caminhões.

Mas, sua rentabilidade ainda deixa a desejar.

Enquanto a diferença entre ROIC e custo da dívida de RENT é de 8,1 pontos percentuais, de Unidas é de apenas 5,6 p.p.

O reino de Unidas vem crescendo bem, mas ainda há muito a ser feito. LCAM possui o custo de dívida mais alto das 3.

E suas ações também são as retardatárias em 2019. LCAM3 sobe pouco mais de +20 por cento em 2019 e negocia a 9x Ebitda e 24x lucros.

As 3 são ótimas empresas. Mas o que todo mundo quer saber é como será o desfecho desta história.

Quem crescerá mais? Quem lucrará mais? Quem ocupará o trono de ferro?


"Você não sabe de nada, Jon Snow"

Pouco podemos falar sobre o futuro.

Mas muito podemos dizer sobre o passado. O passado é traduzido abaixo:

LCAM3 (branco), MOVI3 (verde) e RENT3 (rosa). Fonte: Bloomberg.

Desde o IPO (oferta de ações na bolsa) de Movida, Unidas desponta na frente como líder inconteste.

Localiza é melhor, maior, mais rentável e tem mais marca. Mas seu múltiplo elevado já trazia precificado a alta probabilidade de sucesso da companhia.

LCAM surpreendeu. Adquiriu competidores, executou seus planos, cresceu seus resultados. E foi aclamada por seus súditos. A rainha do norte!

A união de preço e execução de Unidas, nos últimos anos, nos dá uma enorme confiança em elegê-la nossa rainha dos 7 reinos.

Escolhemos LCAM a melhor ação para 2019 e ela não nos decepcionou. Apesar dos percalços econômicos, a empresa se mantém firme e forte.

Lutando e vencendo batalhas trimestre após trimestre. A performance de suas ações não é engano.

LCAM tem sangue nobre, sangue de rainha. LCAM é a rainha do Investidor de Valor.

Não se trata de spoiler, mas a Nord elegeu sua preferida. Unidas é a única locadora de automóveis recomendada por uma série da casa.

Se você está em busca da nova rainha para seus investimentos, prefira LCAM.

Se você quer saber mais sobre essa recomendação e as demais da série O Investidor de Valor, saiba como ter acesso aqui[a].


O inverno está chegando

Unidas cresce mais. Agora.

Mas o mercado ainda é bastante pulverizado. As 3 grandes, somadas, possuem pouco mais de metade do mercado.

Ainda há espaço para que os 3 reinos coexistam em harmonia...

...por enquanto.

Mas o inverno está chegando.

A guerra final ainda está por vir.

Em observância à ICVM 598, declaro que as recomendações constantes no presente relatório de análise refletem única e exclusivamente minhas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente e autônoma.

[a]SL OIV

Assuntos relacionados
Compartilhar este artigo
por Bruce Barbosa

Possui 16 anos de experiência no mercado financeiro. Antes de fundar a Nord Research passou pelo BNP Paribas, HSBC e Empiricus Research. Formado em Engenharia de Produção pela USP e possui um MBA pela New York University.

Receba nosso conteúdo GRATUITO!