O que aconteceu com o meu Tesouro Selic?

Caso você tenha acompanhado a valorização do seu Tesouro Selic nos últimos 30 dias ou a rentabilidade do seu fundo Selic Simples, você pode ter percebido que eles renderam ZERO!


O que será que está acontecendo com esses títulos? Eles ainda são seguros? É hora de vender esses papéis?


O artigo de hoje é para explicar exatamente o que está acontecendo, e a conclusão provavelmente será contrária ao que você imagina.


Quando você entra no Tesouro Direto e procura um Tesouro Selic, você vê a seguinte tabela:



Note que, na coluna "rentabilidade", temos a Selic e mais uma pequena taxa. Essa taxa pode ser positiva ou negativa, a depender do momento de mercado. Ela adiciona ou retira um pedacinho de rendimento da sua Selic.


Ela funciona como se fosse um pedaço prefixado no seu título pós-fixado. Ou seja, quando essa taxinha sobe, você tem um pequeno efeito de marcação a mercado negativo. Quando essa taxinha cai, você tem um pequeno efeito de marcação a mercado positivo.


No início do ano, essa taxa era de 0,02%. Ela chegou a subir para 0,03% e depois para 0,035%, sem que ninguém percebesse a diferença:


Fonte: Tesouro e Nord Research


Porém, recentemente, a alta foi rápida e maior. Na última semana, ela subiu de 0,035% para 0,075%.


Cada alta de 0,01% (1 base point) dessa taxa faz com que o Tesouro Selic, que vale R$ 10.668 reais, caia 4,71 reais, ou 0,044%. Esse efeito, quando isolado e espaçado no tempo, não faz nem cócegas.


Mas como foram 3 basis points em apenas uma semana, essa alta da taxa provocou uma queda no preço do título de 0,17%. Uma Selic de 2% ao ano equivale a uma taxa no mês de 0,165%. Ou seja, a alta da taxa do Tesouro Selic acabou por comer a rentabilidade do mês inteiro.


Ou seja, juntamos uma Selic extremamente baixa com uma alta rápida e grande (se comparada ao histórico) da taxa do Tesouro Selic. E o resultado foi zero de rentabilidade neste mês.


Pergunta 1) Mas Marília, essa taxa pode continuar subindo?


Poder sempre pode, afinal, mercado é mercado. Mas não é o mais provável. A corretora Renascença fez um gráfico com o histórico dessa taxa (linha azul) desde 2010. Note que as variações máximas, tanto para cima quanto para baixo se mantêm em torno de 7 a 9 basis points:


Fonte: Renascença


Após épocas de variação grande, elas tendem a se normalizar e voltar para o entorno de ZERO. Essas variações acontecem por excesso de demanda ou oferta do papel. No caso atual, o Tesouro anda colocando uma quantidade bem grande de papéis por conta do aumento de gastos com a pandemia, e o Banco Central também concorre com a compromissada rendendo Selic.


O mercado voltando a ficar normalizado, as taxas tendem a se estabilizar.


Pergunta 2) Isso significa que o Tesouro Selic não vale mais a pena? A poupança rende mais?


O Tesouro Selic pode ter perdido da poupança neste mês específico, mas qualquer outra janela de tempo que você olhar, o Tesouro Selic terá rendido mais!


Por exemplo, se você comprou seu Tesouro Selic no início do ano, mesmo zerando este mês, você rendeu no acumulado o equivalente a 90% da Selic. Mesmo descontando um IR de 20% (uma vez que se passaram quase 9 meses), seu retorno líquido fica em 72% da Selic, ainda mais alto que os 70% líquidos da poupança.


Se você comprou há mais tempo, como no início de 2019, então você recebeu com seu Tesouro Selic 97,2% da Selic, que líquido de IR seria 80% da Selic, enquanto a poupança te rendeu 70%!


Isso sem considerar que a taxa pode voltar ao normal e você ganhar de volta tudo o que perdeu no mês!


Outro ponto legal de se olhar é que agora, com essa taxa mais alta associada ao Tesouro Selic, ele está rendendo o equivalente a 103,5% do CDI. Olhando na linha laranja do gráfico da Renascença podemos ver que estamos muito próximos do máximo histórico dessa rentabilidade relativa.


Ou seja, se você ainda não tem Tesouro Selic, este é um excelente momento para entrar no papel!


Ao contrário do que alguns assessores de investimentos estão dizendo por aí, enquanto tentam empurrar aquele fundo que eles recebem rebate, agora é uma ótima hora para comprar, e não para vender o papel.


Caso queira saber um pouco mais, clique aqui e se inscreva em nosso canal do YouTube para conferir o vídeo que vou publicar sobre esse assunto!


Um abraço,


Marilia Fontes


Compartilhar este artigo
por Marilia Fontes
em 18/09/2020 para Nord Insights

Possui 12 anos de experiência de mercado financeiro. Antes de fundar a Nord Research passou pelas assets do Itaú, Mauá e Kondor, além de analista da renda fixa da Empiricus Research. Formou-se mestre em Economia pelo Insper.

Receba nosso conteúdo GRATUITO!