Itaúzão, cada vez mais XP

Boa notícia para os seus pais

“As recessões aparecem e com elas as quedas no mercado de ações. Às vezes, algumas ações se dão muito bem, mesmo num momento terrível para a economia. Você não pode explicar todos os movimentos dos mercados. Se você não entende que essas coisas acontecem, não está pronto. Você não se sairá bem com investidor"


Peter Lynch

Itaú surpreende no 4T19  


Na segunda feira, após o fechamento de mercado, o Itaú reportou o resultado referente ao 4T19.


Como não poderia ser diferente, o Ragazi tratou de fazer a newsletter de terça-feira inteiramente dedicada a analisar os números do maior — e mais rentável — banco privado do País.


É Hora De Vender Itaú?

O banco entregou um belo resultado para o 4T19, mas o mercado não está muito otimista para 2020. O sonho acabou?

O título e subtítulo já entregam em parte o momento do Itaú. Apesar de o banco ter entregue um dos melhores resultados da sua história, o mercado tem penalizado suas ações por conta do temor de maior competição com as fintechs e plataformas de investimento.

Mesmo entregando resultados consistentes, as ações estão praticamente de lado já há um ano.

Como alguém que frequenta as assembleias do banco desde os 16 anos de idade, minha percepção a respeito do resultado foi a mesma: o management tem feito a lição de casa para competir frente a frente contra os insurgentes.

Mas isso não era exatamente o que eu gostaria de falar.

Eu raramente comento sobre ações, porque esta função já está muito bem coberta pela nossa equipe de bolsa com Bruce, Ricardo, Ragazi, Cesar, Guilherme e Matheus.

Hoje, o que quero falar é sobre o que eu realmente acompanho mais de perto: a evolução das plataformas de investimento e as respectivas ofertas de produtos.

Cada um no seu quadrado


O que chamou a atenção no press release de segunda-feira foi algo que eu e o Luiz já havíamos aventado para os assinantes no Nord Fundos.

Como forma de combater a perda de clientes para as plataformas independentes, o Itaú já vem expandindo a sua oferta de produtos de terceiros há algum tempo, principalmente em fundos de investimento.

Em 2019, o montante em "Plataforma Aberta" cresceu 46,9 por cento.

Por consequência, as receitas com administração de recursos cresceram 24,9 por cento.


Não só pelo volume maior, mas porque em fundos, por exemplo, tem havido uma migração de fundos de renda fixa  onde a taxa de administração é geralmente menor  para multimercados e Ações  onde as taxas de administração rodam por volta de 2 por cento.

Mesmo em fundos de terceiros, onde eles ficam com uma fração desses 2 por cento, recebem ainda uma parte da taxa de performance. Somadas, em um momento favorável como o que estamos vivendo, geram uma receita maior.

Em 2019, o banco teve captação líquida de 23 bilhões de reais em fundos.

Entre as 3 principais classes, os números ficaram assim:

(-) 10,7 bilhões em Renda Fixa

(+) 16,8 bilhões em Ações

(+) 13,0 bilhões em Multimercados

Para se ter uma ordem de grandeza, a indústria de fundos como um todo captou 191 bilhões de reais, com destaque para os fundos de ações que captaram 88 bilhões.

Old Fashion


Voltando à questão do título: por que esse movimento é uma boa notícia para os seus (e os meus) pais?


Lá em casa, os meus véios são bem old fashion. Nem computador no escritório o meu pai tem.


Naturalmente, a disponibilidade de pessoas como eles para abrir uma conta na XP ou BTG da vida é bem menor. A questão da comodidade e insegurança pega para que não tem tanto traquejo com mundo digital.


Nós acabamos percebendo que esta é a realidade de alguns dos pais dos nossos assinantes também. Vez ou outra recebemos e-mails de assinantes com o mesmo problema. Como o Pedro J., que me enviou a seguinte mensagem no contato de dúvidas do Nord Fundos:


"Olá pessoal. Eu já sigo as recomendações de vocês e gostaria de poder replicá-las para o meu pai. Mas ele reluta em sair do Itaú. Tenho visto que alguns dos fundos do Personnalité tem o mesmo nome das recomendações da Nord. São os mesmos fundos?"


Sim Pedro, são os mesmos.


A familia Itaú Seleção são de fundos espelhos, que replicam os mesmos fundos das assets independentes que recomendamos, e estão disponível na plataforma aberta do banco.


São mais de 30 multimercados, com 5 recomendações nossas.


                                        [Fonte:Economatica]


E mais 10 fundos de Ações, com 3 recomendações.


                                        [Fonte:Economatica]


Hoje, tanto o pai do Pedro quanto o meu conseguem tranquilamente montar uma carteira diversificada, com os melhores gestores independentes do mercado, com os mesmos custos, e até com aplicações mínimas inferiores do que se encontra na XP, por exemplo.


Importante dizer que o acesso a esse tipo de produto sempre existiu dentro Itaú e nos outros bancões, mas antes era restrito ao segmento Private (acima de 10 milhões de reais).


Acredito que esse movimento do Itaú, além de mostrar a capacidade do banco em se reinventar, traz um benefício enorme para o ecossistema de investimento do Brasil.


Ainda dentro do Itaú, eu já ouvi dizer que foi criada uma squad de 50 gerentes com perfil de assessor de investimentos, como teste para ver se o modelo XP funcionaria dentro da estrutura. Se der certo, isso é realmente transformacional para o modelo antigo.


No mesmo sentido, o Santander lançou a PI, sua fintech de investimentos, para concorrer com próprio genitor. Logo atrás, o Bradesco voltou a impulsionar a marca da Ágora, algo que você já deve ter notado nas propagandas na TV.


Será que os bancos viram fintechs antes das fintechs virarem bancos?


Mais competição, melhores serviços e custos menores.  


Não tem como não se entusiasmar com esse mundo novo.


RECADO IMPORTANTE


Estamos promovendo nosso primeiro grande evento presencial, que acontecerá no dia 14/03, no Villagio JK, em São Paulo.


A lista de gestores convidados para falarem sobre suas principais apostas para os próximos anos contempla inclusive alguns dos fundos disponíveis na plataforma do Itaú e que são recomendados no Nord Fundos.


Os ingressos têm se esgotado rapidamente. Portanto, sugiro conferirem os detalhes na página do evento.


Esta é também uma oportunidade para nós podermos conhecer pessoalmente quem nos acompanha no dia a dia do Nord Insights.


Um abraço e até lá


Compartilhar este artigo
por Renato Breia
em 13/02/2020 para Nord Insights

Possui 15 anos de experiência no mercado financeiro. Antes de fundar a Nord Research passou pela Link Corretora, Galleas Asset, Rico Corretora e foi sócio da Empiricus Research. Formou-se em economia pela PUC-SP, tem especialização em Gestão de Fortunas pela Columbia University e é Planejador Financeiro, CFP®.

Receba nosso conteúdo GRATUITO!